Como fazer o cadastro de Contribuinte Individual

Se você é um profissional autônomo, ou seja, trabalha por conta própria, deve fazer a sua inscrição no INSS como contribuinte individual para recolher mensalmente a sua contribuição.

Esta contribuição é necessária para que no futuro, você possa solicitar a sua aposentadoria. O que muita gente não sabe é que a inscrição pode ser feita pela internet. Com o NIT (Número de Inscrição do Trabalhador) você compra o carnê do INSS na papelaria e faz os pagamentos no banco, internet banking ou então nas casas lotéricas. Também é possível gerar os boletos online mensalmente para o pagamento.

Veja o que fazer para realizar o cadastro de Contribuinte Individual

Contribuinte Individual

Quem já tem o PIS, não precisa realizar um novo cadastro. Como mencionamos no parágrafo anterior, basta preencher o carnê e realizar o pagamento. O trabalhador é cadastrado no PIS assim que consegue o seu primeiro emprego com carteira assinada. O empregador que se torna o responsável para fazer a sua inscrição.

Agora, se você não tem emprego fixo e trabalha por conta própria, deve fazer a sua inscrição através deste site e iniciar suas contribuições o quanto antes.

Os principais requisitos para fazer a inscrição como contribuinte individual são:

  • Ter no mínimo 16 anos de idade
  • Informar uma das categorias de segurado. Estas categorias podem ser contribuinte individual, facultativo, empregado doméstico, segurado especial).
  • Informar a atividade exercida

Não há a necessidade do envio de documentos no ato da inscrição. Basta ter atenção para informar os dados corretamente. Dados informados de maneira incorreta podem ocasionar problemas no futuro.

Como saber se já tenho um número de PIS?

Se você não tem certeza se já foi cadastrado no PIS ou não, basta acessar o formulário de inscrição normalmente e preencher os dados. Se a pessoa já for inscrita, o sistema informa inclusive o número do PIS no qual você deve realizar os recolhimentos mensais.

Não deixe de fazer sua inscrição como contribuinte individual. Só ela garante sua aposentadoria e outros benefícios como o auxílio doença.

-> Veja também: O que pode ser usado como comprovante de residência.

Deixe um comentário